terça-feira, outubro 27, 2020
Home > Artigos > Sistemas de gestão são alternativas para o fim dos emissores gratuitos da NF-e

Sistemas de gestão são alternativas para o fim dos emissores gratuitos da NF-e

Como os emissores gratuitos de Nota Fiscal eletrônica (NF-e) e Conhecimento de Transporte eletrônico (CT-e) disponibilizados pelas Secretarias da Fazendas serão descontinuados em 1º de janeiro 2017, o ideal é aproveitar este período de transição para se adaptar ao uso de um software de gestão. Isso significa que os empresários precisarão migrar para sistemas de gestão próprios, que supram as necessidades administrativas dos seus negócios.

O sistema simplifica diversas tarefas, como recebimento de pedido, conferência de pagamentos, emissão de NF-e e acompanhamento de encomendas. Essa é a oportunidade para os empreendedores aderirem às facilidades que um sistema de gestão oferece como agilidade, segurança e economia são as principais vantagens de um ERP integrado à gestão do negócio.

A decisão passa a valer a partir de 01 janeiro de 2017, e os empresários que emitem NF-e devem buscar se atualizar com uma ferramenta profissional, dentro dos próximos seis meses.

Com o sistema SuperSoft é fácil emitir nota fiscal eletrônica de forma simples e rápida, além de reduzir os custos de sua empresa. Também está adequado para emitir e transmitir a Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica – NFC-e modelo 65, com todos os controles necessários para o pequeno comércio varejista.

O sistema de Nota Fiscal Eletrônica é um sistema para a emissão, envio e gerenciamento da NF-e de forma otimizada e eficaz.

gestão erp